Grandes nomes do Samba fazem shows gratuitos no Sesc Interlagos

Leci Brandão está entre os artistas que celebrarão o mês da Consciência Negra

Em novembro, o Sesc Interlagos celebra o mês da Consciência Negra com muita música ao ritmo do samba nos sábados, domingos e feriados. As apresentações serão gratuitas, confira os artistas, datas e horários dos shows:

Rodrigo Campos

Rodrigo Campos / Foto: Divulgação

Rodrigo Campos é um dos grandes artistas do samba paulistano, conhecido pela participação em projetos como o Passo Torto e Sambas do Absurdo, além de colaborar em dois dos mais importantes discos dos últimos anos, “A Mulher do Fim do Mundo”, de Elza Soares, e “Encarnado”, de Juçara Marçal.

Dia 5/11, domingo, das 16h às 17h, na Praça Pau-Brasil, no Sesc Interlagos. Capacidade para 3mil pessoas. Grátis. Livre.

 

 

Memória Negra do Samba Paulista

Memoria Negra do Samba Paulista / Foto: Divulgação

Nesse show os músicos apresentam um recorte do rico samba paulistano. O show conta com a participação de: Tia Cida homenageando seu pai Blecaute, Tobias da Vai Vai cantando Geraldo Filme e Duda Ribeiro interpretando o compositor Talismã.

Dia 15/11, quarta, das 16h às 17h, na Praça Pau-Brasil, no Sesc Interlagos. Capacidade para 3mil pessoas. Grátis. Livre.

 

 

 

Luedji Luna

Luedji Luna / Foto: Divulgação

Cantora e compositora, Luedji Luna é cofundadora do PALAVRA PRETA, mostra que reúne compositoras e poetas pretas de todo o Brasil.

 

Dia 18/11, sábado, das 16h às 17h, na Praça Pau-Brasil, no Sesc Interlagos. Capacidade para 3mil pessoas. Grátis. Livre.

 

 

 

Leci Brandão

Leci Brandão / Foto: Divulgação

Uma das maiores referências do samba no Brasil, Leci encerrará o Encontro do Orgulho Crespo. Ela trará em seu repertório canções de seu último disco, “Simples Assim” (2017), além de músicas já consagradas de sua carreira e homenagens a grandes personagens do samba, como Martinho da Vila, Nelson Cavaquinho e Jovelina Pérola Negra.

Dia 19/11, domingo, das 16h às 17h, na Praça Pau-Brasil, no Sesc Interlagos. Capacidade para 3mil pessoas. Grátis. Livre.

 

 

Adriana Moreira

Adriana Moreira / Foto: Divulgação

Por meio de uma visita à obra de Clementina de Jesus, o espetáculo propõe uma viagem dentro do universo do samba e também dos diversos gêneros influenciados pela cultura afro-brasileira, como o Jongo, Vissungo, Capoeira, Batuques, cantos afros e cantigas de oração.

Dia 20/11, segunda, das 16h às 17h, na Praça Pau-Brasil, no Sesc Interlagos. Capacidade para 3mil pessoas. Grátis. Livre.

 

 

Fernanda Coimbra e Os Digníssimos

Fernanda Coimbra e Os Dignissimos / Foto: Divulgação

Inserida no contexto do projeto Zona Sul Me Alimenta, a proposta do espetáculo de Fernanda Coimbra é trazer também algumas histórias e vivências da artista enquanto criadora e produtora de cultura no extremo sul de São Paulo, onde ela é figura conhecida do cenário de saraus e encontros de música e literatura.

Dia 26/11, domingo, das 16h às 17h, na Praça Pau-Brasil, no Sesc Interlagos. Capacidade para 3mil pessoas. Grátis. Livre.

 

 

 

Para as crianças:

Brincando de Chorinho

Brincando de Chorinho / Foto: Divulgação

Brincando de Chorinho traz o público infantil para dentro da roda de choro proporcionando entretenimento e conhecimento sobre o Choro, gênero genuinamente brasileiro, de forma criativa e divertida. Nessa apresentação, o trio apresenta obras de grandes artistas, como Joaquim Callado, Ernesto Nazareth, Chiquinha Gonzaga e outros.

Dia 26/11, domingo, das 11h às 12h, no Bosque das Araucárias, no Sesc Interlagos. Capacidade para 300 pessoas. Grátis. Livre.

 

 

 

Sesc Interlagos
Av. Manoel Alves Soares, 1100 – Cep. 04821-270
Quarta a domingo e feriados, das 9h às 17h.
Entrada: Gratuita
Estacionamento: R$ 12,00 Credenciados | R$ 24,00 visitantes
Facebook: @SescInterlagos
Twitter: @SescInterlagos